Recomendações para o Regresso às Aulas

O regresso presencial à escola neste ano lectivo é um cenário sem precedentes para as crianças e jovens matriculados nas instituições de ensino em Portugal e não só! Os números crescentes de casos de infecção e os novos surtos de COVID-19 identificados no país tornaram necessária a adopção de medidas preventivas e o repensar da dinâmica das actividades escolares.

No quadro do “novo normal”, as medidas de higiene são impostas tanto na sala de aula como em casa. O uso da máscara por maiores de 6 anos, o distanciamento social de pelo menos 1 metro e meio ou a lavagem frequente das mãos tornaram-se hábitos nos últimos meses. Porém, este início de ano lectivo também deve ser acompanhado por exaustivos protocolos de higiene ambiental que garantam a segurança de crianças, professores e pessoal administrativo.

Cientes disso, na Rentokil Initial Portugal, fizemos um resumo das medidas que devem ser seguidas nas Escolas e dizemos-lhe como as aplicar, de forma a permitir um regresso à escola seguro para todos.

Ventilação da sala de aula

Uma boa ventilação é a chave para preservar a qualidade do ar em espaços fechados de uso continuado, como salas de aula. Recentemente, a Organização Mundial da Saúde (OMS) incluiu os aerossóis gerados pela respiração como uma das formas mais comuns de transmissão secundária em espaços fechados e lotados como restaurantes, discotecas ou escritórios, e as salas de aula não são excepção…

A boa ventilação das salas de aula, juntamente com o uso da máscara, deve reduzir bastante o risco de contágio. Por esse motivo, é fundamental que as salas de aula sejam arejadas durante pelo menos 10 minutos contínuos no início do dia, no final e entre as aulas. Implementar mais intervalos durante o dia pode reduzir ainda mais a exposição dos alunos ao vírus na sala de aula.

Tanto quanto possível, a ventilação natural deve ser escolhida, em vez da ventilação artificial. Porém, se isso não for de todo possível, deve-se utilizar ventilação forçada, lembrando que deve ser utilizado ar externo e não reciclado.

As escolas que possuem sistemas de ar condicionado instalados devem ter filtros adequados e realizar manutenções preventivas para garantir o seu correcto funcionamento. Purificadores de ar ou humidificadores HEPA também minimizam o risco de transmissão.

Outra medida que pode ajudar a melhorar a ventilação é ministrar aulas com as janelas abertas ou em espaços abertos. Ensinar ao ar livre reduz a transmissão aérea e a radiação solar diminui o tempo que o vírus permanece activo nas superfícies.

Trabalhar com pequenos grupos de alunos, idealmente de 15 a 25 alunos por sala de aula, melhora a qualidade do ar. Horários desencontrados podem ajudar, sendo necessário estabelecer números reduzidos de alunos que irão trabalhar em grupos alterados.

Desinfecção dos locais de ensino

Rentokil Desinfecção inicial da sala de aula

As Escolas devem ter um programa de desinfecção ambiental periódica, no mínimo a cada 15 dias.

Desde o início da pandemia, a Rentokil Initial realiza com sucesso a Desinfecção de escritórios, escolas e outros espaços, através do método eficaz de nebulização ambiental, técnica que consiste em gerar uma nuvem de gotas microscópicas de líquido desinfectante que atinge rapidamente áreas difíceis de alcançar. Para este tratamento são utilizados biocidas de uso profissional registados e autorizados pela Direcção-Geral da Saúde. Tenha em atenção o facto de estarem a ser utilizados na Europa produtos alegadamente desinfectantes, sem o serem!

A nebulização é uma técnica ideal para desinfectar grandes espaços em tempo recorde. Deve ser feito na ausência de pessoas e respeitando um tempo mínimo de segurança de 3 horas.

Além das salas de aula, a limpeza também deve ser intensificada em áreas de uso comum como recreios, instalações sanitárias e balneários, e a limpeza com pano deve ser reforçada nas superfícies de contacto usuais como maçanetas, mesas, móveis ou corrimãos.

Riscos ao chegar a casa

Se os protocolos e as medidas de higiene na escola forem seguidos adequadamente, é improvável que ocorram infecções. Porém, ao chegar a casa, recomenda-se seguir orientações especiais de higiene e prevenção para evitar que crianças e jovens infectem outros membros da família, que podem ser uma população enquadrada nos Grupos de risco.

Essas medidas incluem:

  • Aplique desinfectante em mochilas e sapatos, de preferência fora de casa.
  • Deixe a máscara da criança ou do jovem separada da máscara do resto da família.
  • Incentive a criança ou o jovem a lavar as mãos e tomar banho assim que entrar em casa.
  • Separe as roupas usadas na escola para as lavar imediatamente em separado.
  • Promova o distanciamento social com outros membros da família , especialmente com os avós ou outros indivíduos vulneráveis ​​devido à idade ou condições de saúde. É aconselhável fazer as refeições em horários alternados.

Na Rentokil Initial somos especialistas em Desinfecção ambiental e em Higiene. Garantir a higiene e segurança das crianças e suas Famílias é o nosso objectivo. Quer saber mais? Contacte-nos e dar-lhe-emos todas as informações necessárias para a sua tranquilidade.

Conte connosco!

Departamento de Marketing

1 Comment

  1. Catarina Carvalho Reply to Catarina

    Óptimas dicas!

Adicionar um comentário

Equipa local


Pesquisa


Preciso de ajuda com...

Contacte-nos


Contacte-nos

Residencial: 808 21 08 08 
Comercial:   808 20 20 18

Preencha o formulário abaixo e um dos nossos Especialistas entrará em contacto o mais rapidamente possível.

myRentokil